Primary Key Constraint

Nessa postagem vamos falar sobre a Primary Key Constraint, entender o que ela é e seus benefícios.

Uma Primary Key (constraint de chave primária) impõe exclusividade de linhas e também não permite valores do tipo NULLs nos atributos de constraint.

Cada valor nos atributos de uma constraint do tipo Primary Key pode aparecer somente uma vez na tabela, somente em uma linha e cada tabela só pode possuir uma primary key.

Internamente uma Primary Key Constraint são implementadas como um índice do tipo unique, por default o SQL Server cria a Primary Key como um unique clustered index, porém é possível ter uma Primary Key do tipo nonclustered e tabelas que não possuem uma Primary Key.

Vamos fazer um exemplo de definição de Primary Key Constraint baseado na tabela tbl_fornecedores abaixo, vamos utilizar a coluna cod_fornec:

Para definir a PK vamos utilizar o código abaixo:

ALTER TABLE dbo.tbl_fornecedores
ADD CONSTRAINT PK_CodFornecedor
PRIMARY KEY (cod_fornec)

Com essa Primary Key estabelecida, você pode garantir que todos os valores na coluna cod_fornec serão únicos, portanto, qualquer tentativa de insetir ou atualizar uma linha de forma que essa constraint fosse violada será rejeitado pelo SQL e vamos ter um erro como resultado.

Sendo assim, finalizamos a postagem para falar melhor sobre o que é uma Constraint Primary Key no SQL, o objetivo era explicar o que ela é para quem está começando a utilizá-lo!

Espero que tenham gostado!

Aguardem que vem mais conteúdo pela frente!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s